ACÇÃO JUDICIAL CONTRA AS REACÇÕES ADVERSAS ÀS VACINAS COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto
COMUNICADO DE IMPRENSA
Lisboa, 16 de Dezembro de 2023 – O Partido ADN encabeça um projecto humanista que vai garantir apoio jurídico aos portugueses que tiveram reacções adversas, sequelas ou efeitos colaterais, nomeadamente, tromboses, miocardites ou cancros-turbo, bem como aos familiares daqueles que morreram devido aos efeitos secundários das chamadas “vacinas covid-19” e pretendam processar as farmacêuticas que as distribuíram, os laboratórios que as criaram, os governantes que impuseram regras inconstitucionais para coagir a toma das mesmas e o Estado português.
Ao longo dos últimos 3 anos já são conhecidas milhões de reacções adversas por todo mundo às “vacinas covid-19”, sem que, em Portugal, tenham sido apuradas as responsabilidades das multinacionais que ganharam biliões de euros com uma pandemia imposta por tecnocratas não eleitos, aos políticos corruptos e a um Estado subserviente às poderosas organizações privadas que controlam o fluxo de capitais Mundial.
Todavia, em alguns países europeus já foram atribuídas indemnizações por danos causados pela “vacina covid-19”, quer a quem ficou gravemente incapacitado, quer aos familiares de quem morreu, portanto, a verdade também tem de chegar a Portugal e os portugueses merecem ser ressarcidos de toda a dor e angústias que sofreram e que ainda sofrem.
Assim, porque passados 3 anos é possível reunir provas concretas e objectivas deste crime contra a humanidade, consideramos que, este é o momento apropriado para impedirmos que tal não volte a acontecer.
O pedido de apoio pode ser submetido através deste link: https://adn.com.pt/reacoes-as-vacinas/

Autor

As tuas liberdades, direitos e garantias estão a ser violadas.

O ADN é o único partido que nunca permitirá que mexam nas leis fundamentais.

Junta-te a nós e saberás como ser um resistente às políticas globalistas.