Eleições Legislativas 2024 – Missiva do Presidente do ADN

Tempo de leitura: 2 minutos

Estimados(as) Companheiros(as),

Desde o passado dia 7 de Outubro, depois de sermos deparados com mais um momento negro na política nacional, os órgãos nacionais do partido têm trabalhado no sentido de apresentarmos uma candidatura às eleições legislativas de 10 de Março de 2024, que nos permita elegermos deputados.

Durante o decorrer desta semana iremos solicitar a todos os militantes e apoiantes do ADN, que queiram participar activamente nas eleições, que nos contactem, para começarmos, antecipadamente e com tempo, a elaborar as listas de candidatos às eleições para a Assembleia da República de 2024.

Estamos perante tempos desafiadores e incertos, em que não é possível confiar em ninguém que não combata frontalmente a “Agenda 2030” ou que não considere os Direitos, Liberdades e Garantias Fundamentais, tal como previstos na nossa CRP, como um risco vermelho que jamais pode ser ultrapassado.

As nossas crianças estão a ser raptadas por um Estado que pretende doutriná-las desde muito cedo para lhes retirar a capacidade de decidirem por elas próprias ou para acreditarem que a ideologia do género é uma ciência, pelo que, é urgente apoiar as Famílias que defendem os valores e costumes ocidentais e/ou judaico-cristãos.

Relativamente à crise da Imigração que hoje em dia vivemos, é fundamental lembrar tudo aquilo que nos torna fortes como nação: a nossa resiliência e o nosso compromisso com os valores que, desde 5 de Outubro de 1143, nos definem, pelo que, é urgente termos politicas de imigração que nos defendam dos ataques que temos vindo a sofrer, mas também, como humanistas que somos, impeçam o tráfico humano que já se impôs no nosso país.

Herdámos uma nação marcada por grandes homens e mulheres, que concretizaram as maiores conquistas que o mundo alguma vez viu, superámos desafios inimagináveis e emergimos sempre mais resilientes do que nunca, mas hoje estamos diante desafios complexos, desde as ameaças à nossa segurança global até às disparidades ideológicas dentro da nossa própria sociedade, que somente prejudicam quem é português.

A luta dos professores, médicos, agricultores, reformados, pensionistas, enfermeiros, pequenos e médios empresários ou de todos aqueles que trabalham honestamente e não conseguem ter uma vida digna tem de ser a luta de todos nós!

A história ensina-nos que, quando nos unimos com um propósito comum, os portugueses são capazes de superar qualquer obstáculo, por isso é crucial olharmos para o futuro com esperança, sabendo que somos um povo resiliente e diferente de todos os outros e que podemos construir um amanhã melhor para todos. A chave está em conseguirmos, dia a dia, acordar cada vez mais pessoas, para que, no próximo dia 10 de Março de 2024, sejamos em número suficiente para combater todos aqueles que nos querem impor uma nova ditadura e elegermos, pelo menos, um deputado.

O ADN precisa de todos vocês, mas Portugal precisa ainda mais do ADN para que seja possível haver esperanças de um futuro melhor para os portugueses e, no final, voltarmos a ter uma nação independente.

O ADN conta convosco e vocês podem contar comigo para jamais desistir de combater todos aqueles que querem prejudicar Portugal e os portugueses.

Vamos conseguir vencer!

Muito obrigado a todos.

Saudações democráticas,

Autor

As tuas liberdades, direitos e garantias estão a ser violadas.

O ADN é o único partido que nunca permitirá que mexam nas leis fundamentais.

Junta-te a nós e saberás como ser um resistente às políticas globalistas.